A mesma mão

Leitura: Êxodo 15:22-27

“Ele clamou ao SENHOR, e o SENHOR mostrou-lhe um lenho que lançou nas águas, e as águas se tornaram doces.” (Êxodo 15:25)

O povo de Israel não tinha ido além da costa do Mar Vermelho quando as realidades da sua nova liberdade se começaram a notar. Eles já não desfrutavam da variadíssima comida e provisão de água do Egito. Naquele momento, depois de viajar 3 dias no deserto, a multidão imensa não tinha uma gota de água. E quando eles chegaram finalmente ao oásis de Mara, a água era amarga (Ex 15:23).
Assim o povo de Israel foi compelido a confiar num milagre. Clamaram a Moisés, e Moisés clamou ao Senhor. O Senhor mostrou-lhe então um tronco que Moisés lançou na água. Milagrosamente, a água ficou doce.
A transformação da água foi um milagre semelhante à pestilência de sangue enviada a Faraó e aos egípcios (Êxodo 7:14-25). A água limpa do Egipto tinha sido manchada com sangue pela mão de Deus. A lição de Mara foi clara – a mesma mão que transformou a água em sangue poderia tornar doce a água amarga. O mesmo poder que trouxe maldições sobre o Egipto poderia trazer saúde a Israel.
Se hoje tiveres uma necessidade aparentemente impossível, lembra-te que a mão que proveu a tua maior necessidade – perdão do pecado – é a mesma mão que pode prover adequadamente todas as tuas necessidades. Confia n’Aquele que pode realizar coisas que parecem impossíveis. – Marvin Williams

 

AS IMPOSSIBILIDADES COMPELEM-NOS A CONFIAR EM DEUS.

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s